Para quem gosta de comer e se hospedar bem!


Não falei que o Cosmopolitando iria fazer jus ao nome lindo dele? 

Estou com milhões de posts mirabolantes daquela minha semana “internada” na Disney para dividir com vocês! Só que vou atrasar mais um pouquinho, porque estou indo para Istanbul! 
Já pensaram? Matar dois coelhos numa cajadada só e conhecer Ásia e Europa de uma vez? #óiaachiqueteza

Já estou para morrer de tanta saudade do meu Biel, mas vou concentrar o juízo, bater muita perna e voltar lotada de dicas para compartilhar. Mas não são essas dicas comuns não! Serão dicas cosmopolitânicas de tours, hotéis, restaurantes e frescurites. Iguais as que dou sobre Disney e Orlando!
Quem quiser ver tudo “real time” segue @cosmopolitando no Instagram. 

Eita que até o final do ano vocês estarão recheados de novidades da Disney e da minha cosmopolitação!

Bjo,

Mila.

Não falei que o Cosmopolitando iria fazer jus ao nome lindo dele?

Estou com milhões de posts mirabolantes daquela minha semana “internada” na Disney para dividir com vocês! Só que vou atrasar mais um pouquinho, porque estou indo para Istanbul! Já pensaram? Matar dois coelhos numa cajadada só e conhecer Ásia e Europa de uma vez? #óiaachiqueteza

Já estou para morrer de tanta saudade do meu Biel, mas vou concentrar o juízo, bater muita perna e voltar lotada de dicas para compartilhar. Mas não são essas dicas comuns não! Serão dicas cosmopolitânicas de tours, hotéis, restaurantes e frescurites. Iguais as que dou sobre Disney e Orlando!
Quem quiser ver tudo “real time” segue @cosmopolitando no Instagram.

Eita que até o final do ano vocês estarão recheados de novidades da Disney e da minha cosmopolitação!

Bjo,

Mila.

Comments

Grand Residences by Royal Resorts - Chef’s Table

Para terminar meus dias de princesa, o Grand Residences e o chef Yann Cozic nos recepcionaram em uma experiência Chef’s Table, onde a gente vai para dentro do território do “homi”, a cozinha!
Os hóspedes do hotel também podem solicitar esse serviço. Se não estão a fim de ficar “in loco”, o chef pode ir cozinhar para você no quarto. - Tá meu bem? -
image

Tudo tão sofisticado, ainda mais, ali junto com o chef explicando tudo tim por tim tim. Estava parecendo a Cleópatra, rs, com tantos quitutes ao meu dispor!

Essa entrada com tomate e caranguejo foi a menina dos meus olhos!
image

O croissant, nunca vi melhor! Também, vocês queriam o quê? O “homi”  veio diretinho da França. Só podia ser bom mesmo!

image

image

image

As sobremesas estavam todas de pedir misericórdia, mas minhas preferidas foram o charuto de chocolate e o churros, mandado fazer carinhosamente para a Cosmo girl - Nossa hostess, Mel, me ouviu tanto perguntar se tinha churros, afinal estava no México, que de surpresa mandou trazer uma rodada de churros para a mesa. Ganhou meu coração de vez!

image

image

Ah! Para vocês que gostam de um vinhozinho doce, anotem aí o nome do dessert wine: Jackson-Triggs Ice Wine 2008 - ma-ra-vi-lho-so- E não. Não estou aprendendo a separar as sílabas corretamente, rs.

 
Os macarons, nem precisa comentar, né?. Aqui é caso de amor antigo! Vocês já devem é estar com abuso de tanto que falo de macaron! Lascou!
image

E o cappuccino com um biscottinho, assim melando no leite - e eu não tô nem aí - deu o toque para minha noite de saudade desse lugar.

image

Para a facada final, meu café da manhã do dia seguinte com parfait e essa vista de meu Deus!

image

image

Mais uma vez, meus agradecimentos ao team do Grand Residences por ter me acolhido tão bem e ao team de relações públicas pelo convite. Me senti honrada!

Volto com louvor!

image

http://grandresidencesbyroyalresorts.com/

Comments

Grand Residences by Royal Resorts - Afternoon Tea

Não disse que voltava rapidinho?! Já estava num pé e noutro para contar para os fãs de chás da tarde que acompanham o blog da minha aula particular sobre como fazer o chá, quais os tipos e como servir.

Como falei no post anterior, essa experiência foi parte do Grande Residences, mas qualquer hópsede pode marcar uma aulinha com o super Tea Sommelier, Christian Horn. Na realidade, não vou ficar falando um monte de linguiça sem sentido. Vou passar para vocês todas as minhas anotações. Acabei que fiquei mais louquinha da silva por chás, porcelanas e frescurites. Não sei da onde vem isso, meu Deus… será que fui uma princesa inglesa? Ou seria, chinesa?

image

Todos os chás são filhos da camellia sinensis, uma planta cujo galhos são colhidos a mão. Reza a lenda na China de que Shennong, Imperador da China, estava bebendo água fervida, em algum tempo antes de Cristo (é o novo!) e algumas folhas de uma árvore por perto caíram nessa água mudando a sua cor. O Imperador deu um gole e se sentiu extremamente surpreso pelo sabor e propriedades restauradoras. 

Então, esse negócio de que chá é tradição da Inglaterra parece ser conversa para boi dormir, de acordo com os experts em chá. Bom, se veio da Ásia ou Europa, não sei. Só sei que foi assim (palavras de Chicó, rs).

Trazendo a história para um lado mais real, há cinco tipos de chá:

1) White Tea - É o que podemos chamar de champagne no quesito chá. Estudos mostram que este chá é o que possui maiores propriedades anti cancer e menos cafeína.

2) Green Tea - Excelente para prevenir o entupimento de artérias, doenças neurológicas, como Alzheimer’s e Parkinson’s. Melhora o nível de colesterol.

3) Oolong Tea - metade green/metade black - Tido como suplemento para perda de peso, embora a ciência não tenha dado o devido suporte. Um dos tipos mais chics, digamos assim, é o de Lychee.

image

4) Black Tea - feito com folhas de chá fermentadas, é o chá com maior concentração de cafeína. Reza outra lenda, que em 1876, foi permitida a entrada de um inglês na China para comprar green tea. Um dia, as caixas foram molhadas e todas as folhas ficaram marrons. Ao invés do moço se chatear, ele voltou para Inglaterra e vendeu tudo como se fosse o mais novo tipo de chá da China. Na época, o café estava caríssimo e essa nova especiaria foi um sucesso, pois era amargo como o café, mas mais barato. Mr. Lypton era o famoso inglês, e para quem não sabe, Lypton é uma marca muito famosa de chás aqui nos States.

O Christian disse que se bebermos 1/2 litro todos os dias após as refeições perdemos de 5 a 7kg em 1 mês. #projetinhoàvista.

5) Pu-er tea - feito de folhas antigas e fermentadas. Considerado um black tea. Altas propriedades redutoras de cholesterol ruim.

Detalhes: Se ervas ou frutas chamamos infusão. Como camomila, por exemplo. Nossa mesa estava toda montada com vários tipos de porcelana. Enquanto tínhamos a aula, também podíamos tocar e cheirar cada um. O que o Christian escolheu para que eu preparasse, provasse e servisse foi o Golden Night, uma infusão de chocolate com ouro. Não sei como ele advinhou que eu iria gostar desse, mas o tiro foi certeiro! De todos, foi o meu preferido!

image

Agora que vocês aprenderam um pouquinho de cada um, tomem nota de como fazer o melhor dos chás e servir para as “zamigas” às 5:

 
image

image

1) Compre o melhor! Deixem de ser mão de vaca e procurem uma tea boutique que preste, rs!
2) Usem uma boa água, como de montanha, pois tem vários minerais e eles atiçam o gosto do chá.
3) Tempo  de espera:
White (Green), Japanese, Chinese e Oolong de 2 a 3 minutos na água.
Black e os dois tipos de infusão: 5 minutos.
4) Temperatura
Green/white, Oolong, Japanese e Chinese - 70 C
Black e Infusões - Água fervente
5)  Equipamento
Pequenos conjuntos para chás chineses
E os bonitoes para os Black e Infusões.
image

Repararam que meu lance é Infusão, né? Pois bem! Agora vamos todo mundo servir chazinho para as visitas, mostrar os dotes e espalhar que aprendeu com a Mila do Cosmopolitando, haha. Que nada! Todos os créditos para você, Christian Horn, e sua tão sofisticada Elefanté. Fiquei morrendo de vontade de ir para LA me tornar uma Tea Sommelier como você.


Meus agradecimentos ao Grand Residences e ao Christian. Quem estiver de viagem marcada para Cancun e achar interessante colocar esta atividade no roteiro, só marcar com o concierge do hotel.
Comments

Grand Residences by Royal Resorts - México

    Já estava mais do que na hora de falar da minha experiência de realeza em Cancun. Um mês já se foi, mas tudo ainda está bem vívido… também, como esquecer um lugar tão lindo e relaxante? Ainda mais, quando tratada como a pessoa mais importante do mundo!

image

Cinco escritores foram convidados para conhecer o chiquérrimo Grand Residences by Royal Resorts em Puerto Morelos - México. Eu, única brasileira (#Cosmotáforte), uma escritora da Marie Claire, outra do Miami Herald, e os outros dois do Caribbean Journal. Não era pouca coisa não, viu?! Era o balaio cheio, rs!
Precisa nem dizer, que além do meu estado relax eterno por lá, aprendi muito com eles. Foram três dias bem intensos com jantares, tours, passeios de catamarã, mimos e mais mimos.
image

image

image


O que eu jamais vou esquecer foi a minha cara de boca lá no chão, quando entrei na minha suíte. Suíte nada! Uma apartamento meeeeesmooohhh! Inteirinho só para mim, com varanda de frente para aquele mar turquesa, cafés da manhã no quarto, ou onde eu desejasse, e uma Jacuzzi também na varanda! - só a varanda já estava de bom tamanho, só para vocês terem uma idéia do negócio!

 
image

image

image

Andava de um lado para o outro e em cada cômodo encontrava presentes: uma super caixa da Bvgari lotada de xampus e perfumes no banheiro - pausa para morrer pela chuveirada maravilhosa daquele rain shower-  Chapéu e bolsa de praia no quarto, um colar Maya representando a boa sorte e uma tequila, em uma embalagem mais do que fofa, na sala. Fora frutas, mini bar lotado, bonequinhos feitos pela população local para dar boa noite e o aroma de lírios que tomava conta da “minha casa”! Ô papai do céu, já pode voltar?

image

imageimage

image

O primeiro dia foi para me deixar boquiaberta, tipo estou na Disney em Cancun, rs, e ter um jantar de boas vindas no restaurante do resort, o El Faro - traduzindo O Farol, símbolo da cidade.

image

image

image

A culinária Mexicana muito me agrada e esse restaurante me ganhou fácil! O chef, importado da França, já cozinhou para o presidente Obama! Só podia esperar o the best vindo para minhas papilas gustativas, rs. O Ceviche estava divino! E todos os pratos maravilhosos e exóticos. Volto a repetir, que dou o maior valor a um prato enfeitado! Mais fácil a comida esfriar de tanto que fico tirando fotos. A sobremesa estava linda, mas a minha preferida ainda está por vir, quando eu falar para vocês da Chef’s Table. Pois é, tivemos um jantar dentro da cozinha que foi para terminar de abalar bangu!

image

image

image

image

image

image

Deu para sentir o clima da cara da riqueza rolando no ar, né? Fiquei completamente apaixonada pelo Grand Residences. Quero voltar com minha família para curtir aquela piscina horizonte infinito - outra obsessão minha - todo santo dia! Mas, assim… o hotel também é perfeito para uma lua de mel, duas e até três! Puerto Morelos é uma cidadezinha calma, o que deixa a experiência ainda mais relax. No entanto, se vocês quiserem badalar, Playa Del Carmen fica só a 30 minutinhos de lá.

image

image

image


O colar Maya, que falei acima, é entregue para todas as mulheres que se hospedam lá. Os xampus, creminhos e sabonetes são todos da Bvgari para usarmos “a lá vontê”, o WiFi é free sem taxa extra, o kids club é completo deixando os pais com um tempinho (dentro do hotel) a sós e o hotel está implementando uma pulseira como a “magic band” para os hóspedes ficarem completamente na paz de Deus, sem se preocupar com chaves, carteiras e milhões de trecos. Não falei que estava na Disney de Cancun? Paraíso, minha gente!

 
Tem cenas dos próximos capítulos, viu? A Maria do Bairro voltará em breve para falar da chef’s table e da manhã aprendendo sobre chás com um Tea Sommelier. Deu só para radiola da fanática por chás da tarde que aqui vos fala.
Selo Cosmopolitando indo e voltando!
Comments

Party For The Senses - 2014!

Gente de Deus, que a Disney se garante em fogos espetaculosos isso eu já sabia! Agora em festas extra “curriculares”? … Eu sabia também, rs! Já é a segunda vez que participo do Party For The Senses, uma festança da boa que acontece no EPCOT, exatamente no mesmo período do Festival Food & Wine. Este ano acontecerá aos sábados do mês de Outubro e no primeiro sábado do mês de Novembro, a partir de 7:30 da noite até às 10 - eu sei, eu sei… festa de Americano é assim! Hora certa para começar e para sair! Fazer o quê, né, rs?
image

image

Pois então, o nome - Festa Para Os Sentidos - tem tudo a ver, porque o lugar fica lindo, lotado e colorido pela apresentação de um mini espetáculo do Cirque Du Soleil. O cheirinho de comida fervilha no nariz, o que automaticamente faz a boca encher d’água e as mãos pegarem todos os pratos possíveis em cada estação. E os “zouvidos” são alegrados pela trilha Sonora do Cirque ao vivo.

image

As estações são como quiosques apresentando seus próprios chefs e criações. Vem chef dos States todinho, especialmente, de hotéis Disney. A famosa escola de gastronomia Le Cordon Bleu dá o ar da graça por lá também.

image

Cada sábado tem estações diferentes, consequentemente, chefs diferentes. Quero dizer que: os quiosques e os pratos do meu dia, 4 de Outubro, não serão os mesmos do dia 11 e assim sucesivamente. Quero dizer novamente: por mim ia todos os sábados! Ô festa boa e agradável! As comidas saborosas são preparadas pelos chefs na nossa frente. Muitos deles dão o toque final ali, cara a cara, como o crème brûlèe de pasta de amendoim e chocolate. O pastry chef Noah French, de Denver, “maçarica” os suspirinhos do topo para deixá-los bronzeadinhos.

 image

O macaron de banana, de-li-ci-o-so por sinal, era acompanhado de um sorbet (lê-se sorbê… fresca, rs) de abacaxi com côco, que só podia ser colocado na hora de servir.

image

image

O caviar com prosciutto bianco foi todo preparado assim, como num passe de mágica! Vocês estão vendo aí como é a festa? Caviar, minha filha! A Disney bota é para quebrar!

image

Muitos outros pratos são feitinhos na hora, mas não precisam de altos retoques, como o burrito, por exemplo. Não tinha carne, era total Vegan, mas apesar de não ser vegetariana, foi o meu preferido!

image

image

image

image

image

image

Isso tudo regado a muito vinho de vinícolas de vários locais, como: California, Chile, Itália, África do Sul; Cerveja de Boston e Champagne de Provence e Champagne, na França.

Além de mesas de queijos importados da Irlanda, chocolates Barry Callebaut, Ghirardelli e um cafezinho do Joffrey’s & Tea Company.

image

E aí? Interessados? Estão aqui neste período que vos falo? Estão preparando o roteiro para Outubro do ano que vem? Pois coloca o Party For The Senses nele!!! O ingresso é extra e está dividido em três categorias:


Categoria #1: Wine View Lounge Chegue na festa mais cedo, às 7:15pm, com mesa reservada, acesso ao bar e cocktail especial por $299 por pessoa. 

Categoria #2: Reserved Seating Chegue cedo, ás 7:15pm, com mesa resrevada e cocktail por $189 por pessoa. 

Categoria #3: General Admission IAproveite mais de 50 estações. Lugares limitados podem ficar disponíveis já que quem compra esta categoria fica de estação em estação só cevando, rs!$149 por pessoa.

Para reservar, liguem: (407) 939-3378.

Tomara que vocês vão! Mostra foto para mim com a hashtag #CosmopolitandonaDisney e aproveitem!

Comments

- Chá da Tarde no Mandarin Oriental de New York -

  Eita que dessa vez voltei rápida no gatilho para falar da minha última diquinha de New York City: o mais mais chá da tarde do hotel Mandarin Oriental. Vocês sabem que sou uma lunática por chás da tarde, né? Toda vida que vou viajar, procuro um cantinho bacana que sirva um e passo horas lá com aquelas porcelanas e comidinhas. E o do Mandarin Oriental de NY dá um toque especial a mais pela vista maravilhosa do Central Park. Sempre falo que tenho a sensação de que estou flutuando por cima da Columbus Circle porque o lobby, onde o chá é servido, fica no 35 andar!

image

Pois bem… organizei esse evento com a equipe de relações públicas do hotel, XMart, para receber as clientes da Olive Tree Tour e as blogueiras do FHits (parceiro Olive Tree Tour) na NY Fashion Week. Foram meses de antecedência combinando tudo para que nós todas tivéssemos uma experiência além do comum. E com o Mandarin Oriental isso é totalmente possível, porque o staff está sempre pronto para agradar e o Afternoon Tea deles tem toda uma volta ao mundo cosmopolitânica pela:

Ásia, com escolha dos chás propriamente ditos vindos da China, Japão e India; 

Inglaterra com os scones, que são como bolinhos, combinados com a marmelada de laranja feita pelos pastry chefs do hotel;

image

New York com os tea sandwiches inspirados na culinária de vários lugares da cidade, como por exemplo, o Vegetal terrine feito com ingredientes do Union Square Market;

E, novamente a Ásia, onde os doces foram inspirados, como o Chai-chocolate macaron.

image

Tudo estava devidamente arrumado e escolheram a nossa mesa para ser aquela que, estrategicamente, tinha a melhor vista! Conversa vai, conversa vem, champagnes e muito quitutes circulavam entre nós.

image

Para vocês que tiverem interesse, por gentileza, tomem nota do que mais gosto:

Catskill Smoked Samon, Esbenshade Farms Egg salad com trufas são meus sanduíches preferidos (os dois da direita).

image

Coconut Green Tea Tartlette, Almond Blueberry Financier e Chai - Chocolate mararon (óbvio, rs!) foram meus docitos;

image

E o famoso e velho chá, né? Como indicar tudo e não o ator principal? Escolhi o Lychee Green, porque a cafeína dele é baixinha - a pessoa aqui tem dificuldades para fechar os ”zói” - e, claro, por ser o mais doce de todos, além do cheirinho de buquê de rosas.

image

Não vão pensar que sou doida e que gosto de comida com cheiro de flor, viu gente? É que comer é toda uma experiência e envolve todos os sentidos! Tem que ter uma boa aparência, cheirinho fresco, sabor, textura no ponto e tudo isso em um ambiente bem decorado, com pessoas te tratando bem e uma companhia agradável, fecha no 10, concordam? No Mandarin Oriental é assim! Todos que já tive o prazer de ir, são assim!

Se você que está lendo não é fã de chás, o lobby também tem o menu regular com sopas, sliders e dumplings. Perfeito para uma tarde a dois para ver a cidade escurecer lá de cima, ou um bate-papo com alguém especial. Selo Cosmopolitando sem medo de ser feliz!

Comments

Boutique da marca de cosméticos Benefit - Soho

Continuando o capítulo NYC, vamos a uma dica de beleza? Fui fazer minhas sobranças, que só quem mexe sou eu, na loja fofa, pink e feminina da Benefit Cosmetics do Soho. A Benefit é uma das minhas marcas preferidas de maquiagem, dona de um dos melhores rímels, They’re Real, primer e blushes. Amo todos, principalmente o último lançamento, o Majorette.

image

image

image

Os produtos Benefit podem ser encontrados em um montão de cantos, como Sephora, Macy’s, Ulta e nas próprias boutiques da marca. Mas a madame aqui gosta mesmo é da experiência toda! É muito melhor comprar Benefit com quem entende e no ambiente próprio. E a loja do Soho tem uma fera em sobrancelha chamada Nicky. Muito simpática, mão leve e se garantiu comigo, que sou uma enjoada, confesso. Por isso, quem quiser agendar uma tarde de beleza mãos à obra, porque de lá já dá para ir para balada - quem lê até pensa que sou baladeeeira que é uma beleza! No meu caso, um jantarzinho básico, rs!

image

A loja é pequenininha, florida e cheia de produtinhos que recomendo, como:

Majorette, blush lançamento que deixa as bochechas bem rosadinhas e fixa um outro blush que você queira passar por cima dele;

Hoola, blush bronzer, que dá aquele aspecto verão sem precisar ficar estatalada no sol. E duuuraaaa na face que só!

Benetint, blush que deixa a bochecha a la Sandy Leah, rs;

They’re Real, rímel que deixa os cílios de Emília lá nas Alturas. “- Alô Benefit, quero um waterproof!”

POREfessional, primer que deixa a pele aveludada e faz a minha base fixar melhor;

Instant Come Back Facial Serum, que como o nome diz dá um “up” na face, que só vendo!! Provei desta vez e fiquei admirada como minha pele ficou com mais vida. Tenho uma tendência a desidratar fácil, principalmente nas bochechas a ponto de avermelhar, principalmente no frio.

E aí? Dá para fazer uma feirinha de bom tamanho, né? Ah! Para as girls brasileiras que adoram uma comemoração, lá tem umas mini reuniões que vocês podem fazer com as “zamigas” chamada Beauty Bash, onde vocês ainda vão sair de lá com produtinhos para abarrotar a mala!

image

image

image

E a notícia que não quer calar: em breve, vocês aí do Brasa terão uma boutique Benefit. Para mais detalhes acompanhem o Instagram @benefitbrasil

Comments

New York: dicas com frescura e sem frescura!

Finalmente,heim!? Vou nem inventar conversa fiada não…  vamos logo as dicas da minha queridinha New York de uma tacada só:

image

Na realidade, como falei para vocês anteriormente, fiquei apenas três dias lá. Muitas das minhas atividades foram relacionadas à moda.  Fui conhecer a Parsons, escola privada de Artes e Design, andar pelo Soho para conhecer as boutiques, ter umas horinhas de boneca na Benefit Cosmetics - não se preocupem que vou falar do que mais gostei e dos produtos mais novos- e ver desfiles e street style.

image

image

image

No meio disso tudo, a gente come, né? Não sou seca em vida e se a pessoa aqui não se alimenta, tchau! É exatamente aí onde entram minhas dicas! E gosto de dicas bonitinhas. Não basta ser comida, tem que ter glamour, hahaha. E nada mais glamuroso, para não dizer fresco - mas eu gosto! -  que comidinhas francesas, chás e bolinhos em forma de morango.  Quando vi que a Ladurée tinha aberto a segunda loja em NYC, fiz dancinha da chuva. O lugar é fofo como esperado e lá no quintal - palavra para quebrar tanta frescura minha, rs - tem uma área ar livre que eu podia passar a tarde todinha lá batendo papo e comendo La Fraise. Pera que eu traduzo: bolinho de morango, em forma de morango recheado com côco. Pensem num “bolim” bom! E eu sou enjoada com doces, viu! Não pode ser artificial ou doce demais. E esse aí me fisgou pelo bucho - menina elegante, rs.

image

image

Amei também os macarons com sorbet. Não basta ser macaron, tem que estar mergulhado em sorvete! E a vitrine de guloseimas completamente hipnóticas para as formigas em forma de gente. Convencidos? Coloquem no roteiro de vocês e me falem depois!

image

image

image

Agora, vamos falar de comida de “macho”, rsrsrs. Provei um hamburguer com blue cheese - se não tiver um artigo de frescura não é Cosmopolitando - delicioso em um local bem badalado e dica de uma insider. A P.J. Clarke’s está bombando entre os nova iorquinos. Mas calma… não vão esperando altas arquiteturas e design. Parece uma cantina italiana, lota e é bom!

image

Outro cantinho bacana, e que até já falei aqui no Cosmo, é o restaurante mexicano Dos Caminos. Dessa vez conheci o do Soho. Vocês vão pensar que passei o dia todinho comendo no Soho, rs. Mas é que Soho é moda e arte e minhas companhias eram experts no assunto. Bom aprender coisas novas!

image

image

Foto: Jaque Silveira.

image

Foto: Jaque Silveira.

E, claro, Shake Shack não podia faltar. Saldo: 3kg a mais!


Neste mesmo dia, andei que só uma desvairada até a Times Square para assistir o espetáculo Mama Mia. Já tinha visto, mas fui de novo! Adoro assistir coisas que não me fazem pensar ou ficar triste e fechando os olhos. Moooorro de rir com essa peça e aconselho incluí-la nos planos. Vocês vão se divertir, especialmente se tiverem escutado ABBA na infância, como eu. Obrigada, papis!
Acrescentem aí um pulinho na Times, uma subidinha no Top of the Rock, visitar a Apple, FAO (loja de brinquedos maravilhosa) e andar, andar e andar!
image

image

image

image

Volto logo para falar da minha sobrancelha feita pela equipe Benefit e do meu chá super fancy no Mandarin Oriental. Me permitam o cliché: aguardem!

image

Comments

Disney a la Paris Fashion Week!

Ave maria… o tempo passa e a gente nem se dá conta… Mas não se avexem não que muitas dicas estão a caminho. Enquanto isso, em homenagem a Paris Fashion Week, olhem as princesas da Disney trabalhadas na alta costura!

Essas fotos foram tiradas para uma campanha de Natal da Harrods em 2012. Tem video e tudo mais. Espia só na Branca de Neve toda se “butando” de Oscar de La Renta, rs… Assim, não há príncipe que resista!

image

image

Brincos Chopard!!! Arrombou os bolsos da Fera, heim Bela?

image

No video dá para ver mais detalhes do vestido da Cindy!

image

Adoro rosa e o vestido parece bonito para uns 15 anos. Ainda se faz festa de 15 anos?

image

Ariel tá toda toda! Pensei até que era a Mérida!

image

Bonito… a Jasmine só tem que ter um pouco de cuidado quando for voar no tapete mágico para não dar brecha, concordam?

image

Está parecido com o vestido dela do dia-a-dia. Acho que prefiro o cabelo preso!

image

Já a Pocahontas, prefiro de cabelo solto!

image

Com a Rapunzel, não dá nem para prestar atenção no vestido. Eita cabelão medonho, hahaha!

image

Tiana está do mesmo jeito. Gosto da saia caindo para fora do barco. Bem dramático em conjunto com essa escuridão.

E aí? Levo jeito para ser comentarista de moda? Estou começando a me interessar pelo mundo fashion. Preciso de uma stylist. Alguém se habilita?

 

 

 

Comments

Hotel em NYC: The Surrey

Gente de Deus, o batente está pesado por aqui, viu? Senta no avião, voa, desce, bate foto, anota tudo, não deixa passar nada, não come, deixa a comida bonita para tirar foto, rs, e, claro, ficar com quem mais amo e curtir minha casinha nova. Mas, finalmente sentei para passar para vocês dicas de NYC, Cancun e da minha maratona Disney. Pela quantidade de emails que recebi na última semana, sei que muitos de vocês estão se coçando para saber do intensivão Disney, que diga-se de passagem, foi maravilhoso! Mas…como uma boa pessoa organizada, como diz minha mamy, vou começar do começo!

Era uma vez uma blogueira de estilo de vida. Ela adora viajar e falar de hotéis, restaurantes, spas, e um belo dia foi convidada para saber um pouco mais de semana de moda. Destino: New York! Ok! Vamos cortar a terceira pessoa do singular e passar para mim, a própria? Eu fui convidada pela cap da agência de turismo Olive Tree Tour, Erica Oliveira, para vivenciar o mundo da moda. Só pude ficar três dias, mas foi bem intenso e conheci pessoas maravilhosas. Fomos a um desfile da marca Meskita e antes, ver os street styles da vida. Quanto mais diferente o seu estilo, a sua roupa, mais clicks você ganhava. Costumo dizer que tenho bom gosto (#convencida! rs), mas não sei me vestir como o povo da moda. Eles colocam tudo junto e ao mesmo tempo e fica bonito, mas se eu sair daquele jeito, fico pensando que estou chegando primeiro do que todo mundo! Vi umas celebrities brasileiras por lá e, assim, a cidade só quer saber de moda, como por exemplo: minhas amigas viram a Gisele Bündchen dando entrevista, a H&M distribuiu revistas Vogues e trouxe atores americanos para tirar umas selfies com quem ali passava e os hotéis mais bacanas ficam lo-ta-dos!
Opa! Vocês ouviram a palavra hotel? Pois é! Vamos entrar no meu metiê agora! Escolhi um que tivesse tudo a ver com o momento que estava vivendo: moda, chic, nova iorquino e perto de onde todo o babado acontecia! O The Surrey passou tudo isso para mim por milhares de motivos. Só para vocês terem uma idéia, assim que a gente entra no lobby damos de cara com uma tapeçaria gigante com o rosto da modelo (#imortal), Kate Moss. Parece uma pintura, mas é tecido. Aliás todo o hotel é cheinho de artes e móveis feitos por artistas locais. A decoração em estilo clássico, com rosas brancas e almofadas davam o aconchego que procuro toda vez que vou em um hotel que não conheço. O tratamento não foi nada distante. Estavam todos ali para me fazerem sentir como uma top model. Hahaha… menos! Faltam muitos centímetros e caras e bocas para tal.

image

image

image

Fui recepcionada com um café da manhã maravilhoso no Café Boulud. O Chef Daniel Boulud é bem famoso aqui nos States - ele tem um Boulud aqui na Florida. Não posso ver um eggs benedict que fico me tremendo e não podia ser diferente aqui, quando vi que ele estava associado ao nome caranguejo. Para quem é fã do fruto do mar como eu, tomem nota do nome (Maine Peekytoe Crab Benedict wilted spinach, poached egg sauce choron) e se forem a NY vão lá “pufavô”, nem que seja só para provar dele.

image

Depois de esculpir a barriguinha de modelo com um belo café da manhã, rs, fomos ter um tour pelo spa, Cornelia Spa e pelo Rooftop Bar, que é uma graça, com muitos sofazinhos e vista da cidade para todos os lados. Outro lugar que não pode faltar no roteiro de vocês.

image

image

image

Agora, se vocês querem mesmo ficar bem hospedados, com banheiro de revista Casa Claudia, banho bem dizer de cascata e cama mais do que aconchegante, façam o check in!!! O quarto é bem espaçoso, com um banquinho encostado na janela com vista para cidade, que sentei todos os dias para tomar um cafezinho. Por falar em café, pedi in room no ultimo dia e provei do melhor parfait do mundo ao lado de livros de moda - tinha que incorporar a fashion week nos couros, né? 

image

image

image

image

image

image

image

Honestamente, seja em primeira ou terceira pessoa, só sou elogios para o The Surrey. O biscoitinho em forma de táxi tudo a ver com a cidade, que deixaram de mimo para mim, foi a facada final para eu morrer de amor. Volto com certeza!

image

image

Assim, como volto em breve, para falar da nova Ladurée no Soho, de um hamburguer maravilhoso e famoso na cidade, da minha tarde na Benefit Cosmetics e do meu chá da tarde no Mandarin Oriental, evento que organizei para recepcionar a turma da Olive Tree e as blogueiras de moda do Fhits!

Comments